visitas onlines

terça-feira, 24 de maio de 2016

BOINA DE TRICÔ COM FLOR DE CROCHÊ




Olá Pessoal!

Uma boina saindo do forno, feita em tricô com flor em crochê.
A boina foi inspiração ao assistir o vídeo no YouTube

Ateliê na TV - Rede Brasil - 22.04.16 - Alessandra Palante e Luciana Kummer

 Luciana Kummer, aquela das bonecas lindas que já falei no post anterior.  Então achei que poderia fazer uma flor, também em lã, para dar uma graça. Procurando no YouTube achei o vídeo explicativo, de Ju crochê, de uma flor ao qual eu achei que ficaria perfeita. Pesquisa lá no YouTube:

Passo a Passo Flor Amore por JNY Crochê

Espero que tenham gostado das dicas.


quinta-feira, 19 de maio de 2016

BONECA DE PANO




Olá Pessoal!

Andei me aventurando no mundo das bonecas de pano. Esta aí é baseada no trabalho de Luciana Kummer, artesã talentosíssima.  Puxa o nome dela lá no YouTube que você achará lindos trabalhos feito por ela. Esta aí em cima na foto foi eu quem fiz.

Abraços!

sábado, 14 de maio de 2016

Criando sua própria história - Estilo fanzine







Olá Pessoal!



Postando mais um vídeo, lá do meu canal no YouTube.Neste vídeo explico como fazer pequenos livrinhos, baseados na estrutura dos fanzines. Espero que esta ideia lhes sejam útil. Acho a ideia ótima para dar de lembrancinha de aniversário, da gurizada. História feita por eles, ou sobre eles.



Abraço!


terça-feira, 10 de maio de 2016

O tatu o cachorro-do-mato e a tartaruga





Olá Pessoal!



Mais um vídeo de história de bicho de mato. "O Tatu o cachorro-do-mato e a tartaruga" do livro Contos de Bichos do Mato, de Ricardo Azevedo.

sábado, 7 de maio de 2016

O filho da filha do bicho preguiça





Olá Pessoal!

     Já faz algum tempo que minha vontade me direciona para outro rumo, que não o do artesanato, porém isto não quer dizer que o abandonei de vez. Não, com certeza, sempre que me dá vontade me permito brincar dentro deste maravilhoso mundo. Hoje, meu tempo é dedicado a contação de histórias e tudo que se relaciona a isto. Fiz alguns cursos e continuando buscando me aperfeiçoar. Reavivei na contação um mundo que já habitava dentro de mim, um mundo de ideias, de palavras, de mensagens que posso passar e receber. Uma troca gostosa onde me permito compartilhar da companhia de pessoas, em especial as crianças para uma boa roda de conversação e um desvendar de um mundo mágico, que só as histórias podem nos remeter. Para selar ainda mais este mundo encantado das histórias, criei um canal no YouTube, onde conto histórias e pretendo no decorrer das postagens, trazer para dentro da contação, um pouco do artesanato que por muito tempo me inspirou e que ainda  tem espaço dentro do meu coração.  Trago para vocês um dos vídeos de contação de histórias.

Marlene

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Olá Pessoal


Exímio
_Que bom este sorvete, creme e amendoim.
_Amendoim? Parece que há um equivoco ai, não fazemos sorvete de creme com amendoim.
_Não?! Mas a sensação gustativa não me deixou dúvidas, a textura, olfato. Não posso estar enganado.
_Pois está, não usamos amendoim no sorvete de creme.
_Seria possível o senhor estar enganado? Talvez esteja confuso, esquecido. Não posso duvidar dos meus sentidos, eles nunca me traíram.
_ Aconselho o senhor provar um pouco mais. Tome um pouco de água, faça bochecho, pode ser que os sabores anteriores estejam a lhe confundir.
_Meu amigo, o senhor não está entendendo, meu paladar é por demais preciso, não há possibilidade de erros.
_Não admitir.erros, já é um erro camarada, .
_O senhor não me conhece, então não me julgue.
_ E o senhor não teime comigo, sobre uma coisa ao qual faço e refaço todos os dias, talvez até de olhos fechados.
_Senhor...
Houve uma pausa na interlocução, por um momento parecia que o vivente iria desistir de argumentar, mas ele deu uma última e decisiva cartada, ou argumento, como queiram.
_Senhor, eu sou um degustador profissional, tenho vinte anos de experiência, e nunca, nunca, mas nunca mesmo me enganei com sabores e aromas.
Neste momento, vindo de uma porta lá dos fundos, entra um rapazote de uns dezoito anos aproximadamente, e adverte o pai, o tal que teima em dizer que não usa amendoim no sorvete de creme.
_Ah! Pai! Esqueci de lhe dizer que coloquei amendoim, sem querer no sorvete de creme.

Marlene